sexta-feira, 1 de março de 2013

The Cabin in the Woods

Título em Português: A Casa na Floresta
Realizador: Drew Goddard
Argumento: Drew Goddard
Atores: Kristen Connolly
Chris Hemsworth
Anna Hutchison
Duração: 95 minutos.
Ano: 2011
Género: Mistério/Terror

Sinopse: 
Cinco estudantes decidem passar o fim-de-semana numa cabana na floresta. O que parecia ser o sítio ideal para passar um bom bocado, logo transforma-se num pesadelo de proporções assustadoras. Os cinco mal sabem, mas dificilmente sairão dali vivos (ou então não)! 

Quando o filme começa, vemos várias pessoas aparentemente normais que trabalham numa empresa. Não sabemos a ligação deles com os jovens, mas logo descobrimos o motivo. Os jovens são atraídos para uma ratoeira e as suas vidas estão em perigo porque nesta espécie de reality show, o prémio final é… escapar com vida. 
Isto até seria uma boa historia se não fosse um pequeno problema: o final. Quando descobrimos que todos aqueles clichés que vemos nos filmes de terror (nada contra), vão bater a um desfecho parvo, o filme perde toda a graça e lamentamos que a originalidade do guião só tivesse durado até a meio do filme. 

Gostei: Chris Hemsworth. What else? 

Não gostei: 
Temos loira burra? Temos. 
Temos loiro jeitoso, atlético e armado em salvador da pátria? Temos. 
Temos nerd que parece ser a única pessoa com um mínimo de inteligência no filme? Temos. 
Temos jovem fraca e indefesa á espera de ser salva? Temos. 
O que é que não temos? Um guião bem escrito. 

Pontuação: 6/10 (era para ser 5 mas só por ter o Chris Hemsworth já aumenta um ponto).

4 comentários:

  1. Querida Ana S.:
    Uma crítica deliciosa de ler de um filme que tem tudo para que não o queira ver, nem mesmo com o jeitoso do Chris Hemsworth... lol...
    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Olá Ana. Como é que te posso contactar via email?

    um beijinho
    Sofia

    ResponderEliminar
  3. Madei-te um email respondendo, Sofia :)

    ResponderEliminar
  4. Por acaso acho o ponto forte do filme precisamente o argumento. É uma homenagem e sátira ao género de terror muito bem executada e hilariante.

    tens a loira burra e todos os clichés, porque é suposto tê-los, aliás eles manipulam as pessoas para se encixarem ainda melhor nos clichés. Tudo foi programado.

    Achei um piadão

    ResponderEliminar