terça-feira, 25 de novembro de 2014

Le Moine





Título em Português: O Monge
Realizador: Dominik Moll
Argumento: Dominik Moll
Atores: Vincent Cassel
Déborah François
Joséphine Japy
Duração: 101 minutos.
Ano: 2011
Género: Drama/Mistério 


Sinopse: Ambrósio é um bebé deixado às portas do convento dos capuchinhos. Como tal, é criado por monges e quando atinge a maioridade decide fazer os votos e tornar-se um deles.

Ambrósio é conhecido por atrair multidões dado o vigor e paixão com o qual diz a sua oratória. Pode-se dizer até que tem um certo orgulho em ser diferente dos demais, porque não se entrega aos prazeres da carne. Quando uma freira é desmascarada devido a uma gravidez indesejada, Ambrósio é o primeiro em criticá-la e entrega-a ao castigo da madre superiora. Toda esta decência é posta à prova quando os muros do convento são violados pela força do mal e o virtuoso monge é posto à prova. 

Gostei: Do filme no geral. 

Não Gostei: O filme é uma adaptação de um livro gótico e faltam-lhe algumas cenas que são fundamentais no livro mas enfim, não se pode ter tudo…

Pontuação: 7/10

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Side Effects




Título em Português: Efeitos Secundários
Realizador: Steven Soderbergh
Argumento: Scott Z. Burns
Atores: Rooney Mara
Channing Tatum
Jude Law
Catherine Zeta-Jones
Duração: 106 minutos.
Ano: 2013
Género: Crime/Drama


Sinopse: Emily (Rooney Mara) é uma mulher com depressão. Agora que mudou de cidade, tem de procurar um medico para receitar-lhe novos medicamentos já que os antigos não estão a resultar. O Dr. Jonathan Banks (Jude Law), decide prescrever-lhe uma nova droga mesmo ao saber dos efeitos que ela provoca.

Emily tem vários problemas. Apesar da boa vida que leva, não consegue ser feliz. O marido faz os possíveis para ajudá-la mas os problemas do passado teimam em atormentá-la. Após muita insistência, a jovem faz com que o seu médico passe-lhe um novo remédio sem saber que um dos efeitos secundários pode até provocar a morte. 

Gostei: Do Jude Law e um pouco menos da Rooney Mara.

Não gostei: Da falta de acção. Dos momentos excessivamente parados.


Pontuação:6.5 /10

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Warrior




Título em Português: Warrior – Combate entre irmãos
Realizador: Gavin O'Connor
Argumento: Gavin O'Connor
Atores: Joel Edgerton
Tom Hardy
Nick Nolte
Jennifer Morrison
Frank Grillo
Duração: 140 minutos.
Ano: 2011
Género: Drama/Desporto



Sinopse: Tommy (Tom Hardy) regressa do Iraque e como não tem dinheiro nem emprego, decide voltar ao que fazia antes: lutar MMA. O seu irmão Brendan (Joel Edgerton) é um professor e está em apuros porque não tem dinheiro para pagar a casa. Ambos têm um objectivo bem claro: conseguir chegar à final e levar o prémio para casa.

Tommy regressa do Iraque mas o passado continua a atormentá-lo. Não consegue esquecer a morte do amigo e tenta cumprir a promessa que faz à viúva: dar todo o dinheiro que conseguir a ela e aos seus filhos.

Brendan também tem a vida virada ao contrário porque está atolado em dividas. Apesar dele e a esposa terem 3 trabalhos, não conseguem amortizar as dividas que se avolumaram devido à doença da filha.

Tanto Tommy quanto Brendan têm motivos justos para vencer mas acima de tudo precisam ultrapassar o facto de o pai tê-los feito a vida negra devido aos problemas com o álcool. No fim das contas, trata-se de uma história de superação. 


Gostei: Joel Edgerton e o Tom Hardy tiveram um bom desempenho. 

Não gostei: do filme ser excessivamente longo. Do titulo do filme em português resumir numa frase toda a historia. 

Pontuação: 7.5/10

sábado, 15 de novembro de 2014

Hitchcock




Título em Português: Hitchcock
Realizador: Sacha Gervasi
Argumento: John J. McLaughlin
Atores: Anthony Hopkins
Helen Mirren
Scarlett Johansson
Duração: 98 minutos.
Ano: 2012
Género: Biografia/Drama



Sinopse: O filme conta a historia dos bastidores do famoso filme “Psicho”.

Alfred Hitchcock (Anthony Hopkins) é um realizador muito peculiar. É conhecido pelas suas excentricidades e não podemos esquecer a sua preferências por loiras. 

Quando Janet Leigh (Scarlett Johansson) é a escolhida para ser a actriz principal de Psicho, a tarefa de agradar ao realizador não é fácil. 

Alma, mulher de Hitchcock, está sempre ao lado do marido, aturando as suas esquisitices mas não abdica de ter vida própria e fazer também o que gosta.


Gostei: Da interpretação de Anthony Hopkins.

Não gostei: Do tom morno do filme. 


Pontuação: 6/10

sábado, 8 de novembro de 2014

Out of the Furnace





Título em Português: Para além das cinzas
Realizador: Scott Cooper
Argumento: Brad Ingelsby, Scott Cooper
Atores: Christian Bale
Woody Harrelson
Casey Affleck
Zoe Saldana
Willem Dafoe
Forest Whitaker
Duração: 116 longos e sofridos minutos.
Ano: 2013
Género: Crime/Drama 


Sinopse: Russell Baze (Christian Bale) trabalha numa fábrica tal como o seu pai um dia trabalhou. Rodney (Casey Affleck), o seu irmão, é um militar que já viajou várias vezes para o Iraque. Se o primeiro está satisfeito com a vida que tem, o segundo tem muitas razões de queixa: não tem trabalho e sente-se injustiçado pela falta de reconhecimento que o país dá aos seus militares. Quando Rodney desaparece, Russell tenta descobrir o seu paradeiro.

Russell tem uma namorada, uma casa, um pai doente e um irmão. Pode-se dizer que é um homem de família. Trabalha há anos na mesma fábrica e está habituado a sua rotina diária. Pouco ou nada muda naquela pequena cidade. 

Quando Rodney chega de mais uma missão, não sabe o que fazer da sua vida. Trabalhar no mesmo local onde o seu irmão está, parece-lhe pouco e por isso procura alternativas. A grande oportunidade parece chegar, quando decide andar aos socos por dinheiro. Seria a forma de despejar toda a raiva que sente e ainda ganhar algum, não fosse o facto de estar a meter-se com gente muito perigosa.


Gostei: do Christian Bale apesar desta não ter sido a sua melhor interpretação. 

Não gostei: O filme tem um bom elenco mas tem muitas falhas que o fazem tornar-se lento e entediante. Não é bom sinal quando vemos um filme que só nos apetece carregar no botão de “fast forward” para que ele acabe o mais depressa possível. O mais estranho é que nas cenas onde deveria ter mais desenvolvimento, as coisas passam depressa demais. 


Pontuação: 6.5/10

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

I, Frankenstein




Título em Português: Eu, Frankenstein
Realizador: Stuart Beattie
Argumento: Stuart Beattie
Atores: Aaron Eckhart
Yvonne Strahovski
Miranda Otto
Duração: 92 minutos.
Ano: 2014
Género: Ação/Fantasia


Sinopse: A criatura que um dia Frankenstein teve a coragem de produzir num laboratório ganhou vida e matou o seu criador mas o que acontece depois? A “criatura” neste filme tem nome – aleluia! – e chama-se Adão. Os anos passam-se e agora, em pleno seculo XXI, Adão é disputado pelo bem e pelo mal. Afinal o que podemos esperar de um corpo sem alma? Qual será o caminho a seguir?

Stuart Beattie, realizador e argumentista deste filme lembrou-se de dar uma virada estratégica ao velho conto sobre o monstro e o criador. Para manter a chama acesa, decide juntar uns pozinhos (que é como quem diz, muitos efeitos especiais) e adiciona gárgulas e demónios à história. Agora o moço chama-se Adão, não sabe o que está a fazer na Terra mas sabe que todos o querem! Os anjos querem protegê-lo do mal porque apesar de não ter sido criado por Deus, até pode ter alguma utilidade e os demónios querem possui-lo (e quem não ia querer possuir o Aaron Eckhart?) para fazer umas quantas cópias iguais a ele. E no meio disto tudo onde fica Adão? Vejam o filme (ou não).

Gostei: do Aaron Eckhart.

Não gostei: 
-Misturar Frankenstein com anjos e demónios é uma combinação estranha e perfeitamente desnecessária. 
-Os efeitos especiais tornaram-se cansativos e previsíveis. 
-Era um filme com potencial para muito mais mas perdeu-se muito tempo com efeitos especiais e pouco tempo com o desenvolvimento da personagem principal.


Pontuação: 6.5 /10

sábado, 1 de novembro de 2014

Street Kings




Título em Português: Os Reis da Rua
Realizador: David Ayer
Argumento: James Ellroy, Kurt Wimmer
Atores: Keanu Reeves
Forest Whitaker
Hugh Laurie
Chris Evans
Duração: 109 minutos.
Ano: 2008
Género: Ação/Crime



Sinopse: Tom Ludlow (Keanu Reeves) é um detective com problemas. Ainda a sofrer com a morte da mulher, agora tem de lutar para provar a sua inocência ao ser implicado na morte de um colega. O que ele não sabe é que para defender-se, muitos segredos serão desvendados e a sua vida nunca mais será a mesma.

Quando Ludlow perde a sua mulher em circunstâncias trágicas, a vida parece perder o sentido. Os problemas com o álcool começam e o relacionamento com os colegas não é dos melhores. Graças ao chefe da polícia, o agente permanece em serviço porque consegue fazer o seu papel mesmo que para isso haja da forma menos correta. Mas o que fazer quando os amigos viram-se contra nós e quem achamos que seria a nosso favor afinal está contra?

Infelizmente não posso contar muito mais sobre o desenrolar da história porque estaria contando logo uma boa parte do filme. 

Gostei: O filme tem muita violência é certo. Provavelmente é o filme com o Keanu Reeves mais violento que já vi mas acho que é justificada conforme a história desenrola-se. Gostei da interpretação dos actores no geral mas tive pena de alguns não terem brilhado mais porque o papel era curto.

Não gostei: Não gostei da falta de emoção de algumas personagens.


Pontuação:7 /10