domingo, 1 de outubro de 2006

The Lake House

Titulo em Português: A Casa da Lagoa
Dirigido por: Alejandro Agresti
Escrito por: David Auburn
Actores: Keanu Reeves
Sandra Bullock
Christopher Plummer
Shohreh Aghdashloo
Duração: 105 minutos.
Ano: 2006
Site oficial: The Lake House

Para mim este é o melhor filme de 2006 e apesar de ser impossível acontecer na vida real o que acontece no filme, a mensagem principal é o mais importante.
A casa da lagoa é um filme de sonhos, de esperança e acima de tudo de amor. Um amor que ultrapassa as barreiras do tempo, que se sacrifica e espera.

Tudo começa quando Kate (Sandra Bullock), decide desfazer-se da casa onde morava e muda-se para Chicago onde trabalhará como medica. Antes de ir embora deixa uma carta com as devidas recomendações ao novo proprietário e um pedido de reencaminhar a correspondência que por engano for lá parar.
Até aí nada de especial, não fosse o facto da carta de Kate ser de 2006 mas quando Alex (Keanu Reeves) lhe responde, coloca a data de 2004. Ambos estranham esse facto e começam a dar provas do ano em que se encontram. Aos poucos vão contando as histórias que sucederam-se nas suas vidas, nos sonhos, projectos para o futuro e também na vida actual.
Inevitavelmente o amor entre dois estranhos que apenas tinham em comum o facto de terem morado na casa do lago, inicia-se. Contudo Alex lembra-se de ter visto Kate anteriormente e até ter ido a casa dela no seu aniversário. A partir dai os dois recordam da conversa que tiveram no alpendre, do beijo que trocaram e do livro esquecido na paragem de comboios.
Kate percebe que nunca encontrará aquele homem pois estão divididos por dois anos no tempo e apesar de ama-lo, prefere ficar com um ex-namorado.
Dois anos passam-se sem que um tenha notícias do outro. Para Alex que está em 2006 tudo continua como dantes. A vida continua e o emprego como arquitecto corre bem. Kate decide comprar uma casa juntamente com o namorado e vão a uma agência. Ao ver um antigo quadro da casa do lago na parede, fica curiosa e pergunta quem o fez. Henry, irmão de Alex responde dizendo que é do irmão já falecido em 2006. É ai que Kate lembra-se de ter estado numa tarde a conversar com a mãe num passeio e assiste a um atropelamento. Apesar de todos os esforços não consegue salvar o ferido que acaba por falecer. Agora Kate percebe que esse homem é o que ela ama e corre para enviar uma carta a avisa-lo.
Será que chega a tempo e ele sobrevive ou nada nem ninguém consegue fazer com que o tempo volte atrás?

Pontuação para este filme (de 0 a 10):

11 comentários:

  1. Olá Ana S.
    Este é com toda a certeza um filme que vou ver... e tu sabes porquê.
    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Concordo contigo quanto à grande qualidade deste filme. Não é um filme fácil porque conta uma história estranha, mas o curioso é que embora se trate de uma história impossível de acontecer na realidade, a narração se vai desenrolando com toda a naturalidade e mantendo sempre a atenção do espectador em crescendo.
    Um belo filme sem dúvida. Um beijinho

    ResponderEliminar
  3. Fiquei curiosa. Não quero perder este filme.

    BJS :)

    ResponderEliminar
  4. Ana S.:
    Este filme por muitos motivos que tu conheces tornou-se neste momento o filme da minha vida... E aquela casa do lago de paredes de vidro... enquadrada na paisagem... é um dos meus sonhos... Há que saber esperar... é uma Arte! Beijo

    ResponderEliminar
  5. um filme de desencontros ...
    encontros adiados ...

    um filme com uma música excelente ... um filme que gostei

    ResponderEliminar
  6. Realmente não acontece na vida real, mas realmente era tão bom qu acontecesse. Lá estou eu outra vez melancolica. É a vida. Beijos e boa escolha.

    ResponderEliminar
  7. Este é um espaço que me tinha passado despercebido (mea culpa), mas que passarei a visitar.Um abraço

    ResponderEliminar
  8. Este filme é lindíssimo!
    Adorei ir vê-lo no cinema.
    Recomendo-o vivamente a quem ainda o não viu, que o faça agora.

    Bjos

    ResponderEliminar
  9. Regressei e espero reencontrar em ti a tua amizade e atenção como até aqui.
    Grato por tudo.
    Neste meu novo servidor para já é pouco tempo para dizer grandes coisas, o que posso dizer é que em oito dias ainda não me foi abaixo a internet nenhuma vez enquanto na netcabo era uma média de 10 vezes ao dia, era uma tortura.

    Tentei entrar no teu outro blog mas não consegui depois tento novamente.

    Bjnhs

    ZezinhoMota

    ResponderEliminar
  10. Um filme adorável, vi-o duas vezes já...

    ResponderEliminar
  11. Olá. Finalmente vou comentar um filme já visto. Olha vou ser muito honesta. O filme é super bonita, uma linda história de amor, mas... Não achei que fosse um filme assim tão bom. Que má que eu sou. Mas tenho de ser honesta. Mas vale a pena ver sim. Beijos

    ResponderEliminar