sábado, 26 de maio de 2007

Artificial Intelligence: AI

Titulo em Português: AI: Inteligência Artificial
Dirigido por: Steven Spielberg
Escrito por: Ian Watson
Actores: Haley Joel Osment
Francês O’ Connor
Jude Law
Duração: 146 minutos.
Ano: 2001
Site Oficial: AI
Género: Aventura/Drama/Ficção Cientifica


Numa época onde o degelo glacial atacou grande parte do globo terrestre causando a inundação e desaparecimento de algumas cidades costeiras, os seres humanos lidavam com uma sanção populacional e por isso tinham de arranjar substitutos para a espécie humana.
Um cientista, apos a morte do seu filho tem a ideia de criar crianças robots chamados Meca (de mecânicos) com o objectivo de fazer com que as famílias sem filhos tivessem alguém a quem amar.
A primeira cobaia dessa experiência foi um funcionário chamado Harry Swinton e a sua esposa Mónica. Eram um alvo fácil pois o filho deles estava em coma há muito tempo.
A criança robot brilhantemente interpretada por Haley Joel Osment (David) chega com alguma dificuldade ao coração da nova mãe que o programa para ama-la. O “pai” tem sempre em mente que David não passa de um robot e pouco presta atenção.
Tudo dá uma reviravolta quando Martin, o filho do casal recupera-se milagrosamente e regressa a casa, tomando facilmente o seu antigo posto. A rivalidade entre o menino humano e o robot surge imediatamente e depois de um acidente na piscina, David é expulso de casa. Mónica abandona-o na floresta para que ele não se tornasse em mais um robot na lixeira mas o pequeno Meca não esquece a mãe e inicia uma aventura para encontra-la.

Durante a viagem cruza-se com montes de robots ultrapassados (com falta de peças) e com um Meca chamado Gigolo Joe (Jude Law). É este que vai ajudar David a encontrar o Dr Knows que supostamente tem resposta a todas as perguntas. O doutor fala-lhe da história do pinoquio, um boneco de madeira que conseguiu tornar-se menino graças à fada Azul. A única maneira de encontrar essa fada é ir até ao fim do mundo que é como quem diz, Manhatan. Chegar até lá é mais uma grande proeza e quando atingem o seu objectivo, encontram o cientista que criou e pede para se torna humano. Obviamente isso é impossivel e enquanto Gigolo Joe é capturado, David mergulha no fundo do mar com o seu helicóptero multi-funções e encontra a fada azul que nada mais é que uma estatua.
A máquina do pequeno fica presa no fundo do mar mesmo em frente à fada azul e ele pede continuamente para tornar-se humano.
Anos passam-se e a terra volta finalmente a ficar congelada. A espécie humana pertence ao passado e o planeta é agora povoado por extraterrestres. São eles que libertam David do fundo do mar e concedem-lhe o desejo de voltar a ter a sua mãe de volta…

O filme foi feito a partir de uma ideia de Stanley Kubrick que infelizmente faleceu antes de poder concretizar este sonho em realidade. Foi então que o seu amigo de longa data, Steven Spielberg pega no projecto e transporta-o para o grande ecrã.

De realçar a fantástica interpretação do Joel como criança-robot mas nem é de espantar porque ele faz sempre bem todos os filmes que faz.
Outra interpretação excelente foi a de Jude Law. A maquilhagem de robot era lindíssima e aqueles pequenos tiques davam charme à personagem.
Pelo lado negativo só mesmo Frances O'Connor (Mónica) que agia de forma mais robotizada que os próprios robots.

Pontuação para este filme (de 0 a 10):

4 comentários:

  1. Olá Ana S.:
    Um filme a não perder... crianças robots com sentimentos humanos e humanos sem sentimentos... a fada azul o planeta no fundo do mar a precaver-se... só mesmo E.T. para reabilitar a espécie... Vou ver mesmo este filme...
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito tens um blog muito giro e divertido ;)

    ResponderEliminar
  3. Um dos meus 1001 filmes mas ainda não o vi!

    ResponderEliminar
  4. Bem Ana este é um daqueles filmes que eu posso ver milhares de vezes e mesmo assim me impressionar. Adorei

    ResponderEliminar