sexta-feira, 1 de maio de 2015

Wild




Título em Português: Livre
Realizador: Jean-Marc Vallée
Argumento: Nick Hornby, Cheryl Strayed
Atores: Reese Witherspoon
Laura Dern
Thomas Sadoski
Duração: 115 minutos.
Ano: 2014
Género: Biografia



Sinopse: Cheryl é uma mulher que parte em viagem pela trilha Pacific Crest. A sua viagem trata-se de exorcizar os fantasmas do passado e, com sorte, descobrir o que fazer da sua vida no futuro.

Cheryl é uma mulher que está de luto pela morte da mãe. A sua forma de fazer o luto foi diferente da maioria. Como era uma menina da mamã, bem-educada e muito “certinha”, fica desnorteada quando a progenitora morre. A boa menina torna-se numa mulher rebelde, viciada em sexo e drogas que acabam por destruir o seu casamento. 

Agora decide que é altura para mudar de vida e percorrer uma trilha pelo meio do deserto, sozinha, parece ser uma boa solução (o que as drogas fazem a uma pessoa!).

Reese Witherspoon faz um bom trabalho sem duvida mas o problema é que o filme começa do nada e parte para o nenhures. Esperava que houvesse um momento revelador onde a personagem principal tivesse um final feliz (ou não) mas temos de nos contentar com a actriz a contar em voz-off o que aconteceu no fim.

Gostei: Não sou propriamente fã da Reese Witherspoon mas gostei do trabalho dela neste filme.

Não gostei: Uma mulher sozinha no meio de deserto, cruza-se com vários homens pelo caminho e nenhum deles tenta nada com ela? Demasiado irrealista.

É um filme morno onde se esperava grandes cenas mas pelos vistos, fica para a próxima.


Pontuação: 6.5/10

2 comentários: